3.3.09

Ou se trouve le musée de la musique?

Choque Cultural

Antes de embarcar em minha empreitada rumo a estas terras gélidas, uma breve preparação me foi oferecida sobre Choque Cultural baseada em diversos estudos sobre o mesmo. Durante a exposição da mesma, um gráfico, igual ao que represento abaixo me foi exibido. Nele se pode observar o nível de conforto em função do tempo. Assim, a "jornada" se inicia com uma injeção de entusiasmo , que é seguida de uma queda brusca até, enfim, se estabilizar.




Após a semana passada, de muito trabalho de 2a a 5a, eu me sinto confortável para realizar uma correção no gráfico, que deveria ser apresentado da seguinte maneira:



Putz, trabalhar se torna muito mais difícil quando você sabe que todos os seus amigos estão curtindo o carnaval, praias, calor e tudo mais. Segunda-feira pela manha cheguei para trabalhar e abri o meu email, dos meus contatos no GTalk, apenas 6 se encontravam on-line. Sendo que destes seis, 4 eram outros amigos desafortunados como eu que se encontravam fazendo um intercâmbio fora do país, e os outros 2 foram pessoas que esqueceram o computador ligado e foram curtir o carnaval... =/

Quando digo que ralei de 2a a 5a, foi o fato que a 6a foi um dia atípico. Tarefa cumprida, nada mais por fazer e laboratório vazio. Tédio e Morgação! Resolvi então usufruir um pouco a sala de jogos do porão e fui jogar uma sinuqinha e uns games pelo resto da tarde! =)

Mas dia atípico foi mesmo esta 6a feira, a temperatura que se encontrava agradável no inicio da tarde, na casa dos +7C, despencou por volta das 17 horas, e a noite chegou próximo a -16C. Essa variação de 25 graus em poucas horas foi responsável pro criar talvez o maior ringue de patinação do mundo. Como assim? Simples, enquanto ate o inicio da tarde, boa parte da neve acumulada ao redor dos canteiros já começava a derreter e escorrer pelas ruas e calcadas, ao final do dia, tudo isso virou uma imensa camada de gelo. Assim, quase impossível era andar pelas calcadas sem ir deslizando, escorregando e tomando um bons sustos.. =P


"Go Sens Go"

O Hockey no Gelo é está para o Canadá quase como o Futebol está para o Brasil. E Ottawa possui o seu time na NHL- A liga Canadense/Americana de hockey - Os Ottawa Senators, que assim como os times do Rio de Janeiro, já foram bons, mas hoje só tomam porrada.

Então na quinta passada sai do trampo e me mandei para o Scotiabank Place - The House of the Ottawa Senators. Os adversários, os San José Sharks, da Califórnia. Ok! Para mim, a Califórnia ter um time de Hockey soa tão natural quanto o Brasil ter uma delegação nas Olimpíadas de Invernos, mas enfim.
Casa cheia, os ingressos mais baratos, é claro, davam direito a acentos lá no topo, bem longe do "campo", é claro. O estádio é uma espetáculo a parte, no estádio, muito jogos de luzes, mascotes animadores, canhões atirando camisetas e brindes para as arquibancadas e o tradicional tecladista tocando aquelas musiquinhas do "Pãããããã Pããããã Pãããã ...", assim como tinha nos "The Mighty Ducks". Muito legal, mesmo sem entender muito bem as regras do jogo (Eles podem segurar o disco com a mão!?!?).

Bom, não dá para comparar ir no estádio ver um jogo de Hockey aqui e ir no Brasil ver um jogo de futebol. Aqui a torcida respeita bastante os jogadores, árbitro e adversários. Assim, não há ofensas contra os outros, além de não ter espaço reservado para as torcidas, pois não há o risco de retaliação, até mesmo no ônibus após a partida... Ou seja, no Brasil é MUITO MAIS LEGAL!!!! Aqui eles não sabem torcer, a torcida assiste passiva o jogo dando-se ao lúxo máximo de expressar um "Wouuu" quando o puck(disco) passa rente ao gol ou um tímido grito motivacional "Gooooo Sennnnn Gooooo". Minha torcida era toda para presenciar uma briga generalizada entre os jogadores, algo previsto nas regras do jogo. Infelizmente, apesar de uns "quases", nenhuma briga em campo ocorreu... =(

A propósito, os Sens perderam! 2x1...

Mas minha busca por presenciar ao menos uma luta entre os jogadores continua! Assim na sexta-feira aceitei o convite de um amigo do trabalho e fui assistir á outra partida pela liga universitária, uma pré-NHL, algo como uma "Copa São-Paulo de Futebol Juniores". Apesar dos ânimos acirrados de ambos os times, novamente nenhuma briga ocorreu... =(

Desta vez levei a minha máquina e fiz algumas fotos(que ainda preciso passar pro PC). O time local perdeu, novamente, por 2x1. Começo a suspeitar que eu seja um pé-frio para o time da casa... ou quem sabe um pé-de-coelho para o time visitante. =P



La Nuit Blanche à Montreal


Montreal é uma cidade incrível.
Gosto de morar em Ottawa, cidade horizontal, capital, longas avenidas, economia baseada no funcionalismo público, no comércio e em algumas empresas de de tecnologia da informação. Familiar? =P
Mas Montreal tem algo de diferente. Cidade vertical, cultura européia, menos conservadorismo... Na verdade, nem um pouco de conservadorismo. É uma daquelas cidades grandes, com diversas "tribos" e estilos. Andando pelo metro se vê de tudo! Desde senhores "à Parisiense" de chapéu, sobretudo e bigode até "figuras" trajando combinações de calça, meias e sapatos laranja e camiseta e casaco verde-limão(é sério!). Enfim, se vê de tudo lá, e de certa forma, tudo é natural e aceito, como se "ninguém se importasse como você se veste ou o que você é". Meu passatempo preferido la? Observar...

Programado para o Sábado, La Nuit Blanche à Montreal, ou a noite branca em Montreal. Um festival com dezenas de eventos que ocorrem noite adentro. Com festas, atrações, exposições artísticas, shows, e etc. Assim, reunimos a trupe brazooka. Eu, Douglas e Thiago nos mandamos para lá, onde nos encontramos com a Carina.

O frio intenso não era problema, os DJs comandavam a festa ao ar livre em pleno inverno no porto da cidade-velha. Mesmo com os -12C, uma multidão dançava trajando os pesados casacos de inverno. Próximo dali, uma iluminada Roda-Gigante e um Giant Slide, além de diversas tocas e casinhas aquecidas para se recuperar do frio.

Resolvemos encarar o Giant Slide, um escorregador/tobogã com 120m de comprimento, onde se desliza sobre o gelo com uma prancha de plástico. Ja que era de graça, resolvemos encarar a fila... Escolha Infeliz, após meia hora para pegar a prancha e mais meia hora para descer, já estávamos massacrados pelo frio e pelo vento. Momento perfeito para uma reflexão: "Entre o Frio e o Calor eu prefiro o Calor... Porque pelo menos o calor não Dói!!". A mais pura verdade! Frio demais Dói! Dói mesmo!!

Após a espera de 1 hora na fila, e de 20s para descer, corrermos para o café mais próximo em busca de um ambiente aquecido e um chocolate quente! Acho que eu fui o único que me diverti com a descida!!! heaiuheaiuea =)

Fico devendo algumas fotos... Cômoda procrastinação, deixo para Breve! Na ausência de coisa melhor, deixo esta narração do jogo de Hockey... =P


8 comentários:

  1. E aew passarote.
    Quer dizer então que você trocou uma "brasília" do 3º mundo pra uma do 1º ? Não diria que foi mal negócio, mas você entrou numa fria :P
    Depois te falo como tão indo as coisas da Certificação, mas digo jah que to pensando sério em tirar.

    ResponderExcluir
  2. Se te consola eu posso te contar como foi o meu carnaval...
    hahaahahahahhaaha

    ResponderExcluir
  3. forma carinhosa do caldas cumprimentar seus amigos intercambistas no Gtalk: "vai tomar no cú quem falar de carnaval"
    deu pra sentir a deprê, né...
    se bem que meu carnaval foi show de bola!!!
    né pássaro?
    HAIUHAIUHAIUAHIUAHIUAHAIHAUA

    ResponderExcluir
  4. Ai pelo menos tem jogo de hockey, aqui em brasilia.....
    =P

    ResponderExcluir
  5. negócio é o seguinte... parabéns pelo francês à lá ferramenta de idiomas do Google (:P), mas...

    KD A CARGA? digo.. AS FOTOS???? >(

    ResponderExcluir
  6. eu tb quero ver as fotooooos!!!=[
    amigo...fica caaalmooo!!!ano que vem o carnaval vai ser MUITO mais legal!!!a gente vai pra salvador!!=D
    vai eu, rolim, carol, fê, férzão e até o label!!urruuuuuuuuuuuuuuuuuul!!!
    vamo que vamo!!!começa a juntar seu dinheiro aí!!pára de gastar com aquelas bugigangas para escalar!!!>/ hahahahahhaha
    bjão

    ResponderExcluir
  7. Haaa mlk, carnaval irado aqui no Brasil, depois te mando as fotos! Teve nego que deixou até um "polvinho" lá em Goianesia, heiahaiuhaie!

    ResponderExcluir
  8. Maurício Passarinho7 de março de 2009 13:20

    Fala Estevããão!!!

    Porra, moleque..muito bom o blog, hein? pelo jeito não sou o único redator da família..rs..dei boas risadas com as tuas desventuras em série aí no Canadá..e vou seguir acompanhando. Boa sorte, divirta-se, aprenda e lembre-se: no frio cueca extra nunca é demais!!

    ResponderExcluir